Qual o limite a ser pago nos juros de empréstimos e financiamentos?

Home/Blog/Qual o limite a ser pago nos juros de empréstimos e financiamentos?

Qual o limite a ser pago nos juros de empréstimos e financiamentos?

Entenda como as instituições bancárias cobram os juros do consumidor.

 

Juros é quando você pega um dinheiro emprestado e devolve esse mesmo dinheiro com uma quantia extra sobre esse valor. Essa quantia a mais se chama juro e é cobrada no pagamento do empréstimo do dinheiro.

Isso quer dizer que toda vez que você pegar um empréstimo ou fizer um financiamento, você pagará juros. Por isso é tão importante entender como os juros incidem, pois em ambos os casos, devido à falta de conhecimento, o consumidor acaba sendo cobrado com juros muito além dos previstos em lei.

Então qual limite de juros é permitido cobrar?

Toda vez que você precisar pegar um empréstimo ou fazer um financiamento serão cobrados juros remuneratórios e juros moratórios.

Os juros remuneratórios são os juros cobrados pelo capital emprestado. Eles devem obedecer à taxa média de mercado, a qual sofre variação todos os meses.

Os juros moratórios são os juros pagos quando ocorre atraso no pagamento. As taxas de juros podem ser de 1% ao mês ou, no máximo, iguais à taxa de juros remuneratórios. A multa por atraso de pagamento de boletos deve ser de 2%.

Todas essas taxas podem ser verificadas no site do Banco Central, pois não são raros os casos em que os bancos cobram taxas muito além do que é definido como regra para a cobrança de juros.

Verificar se está sendo vítima de cobrança abusiva é uma boa opção para evitar o endividamento.

Solicitar Cotação

Clique para Ligar
Fale por WhatsApp